30 de jul de 2013

Farmacocinética: Biotransformação

Ou Metabolização, ocorre principalmente no fígado, nos rins, nos pulmões e no tecido nervoso, e acontece quando o fármaco se transforma em uma ou mais substâncias (alteração química) por ação de enzimas inespecíficas (indução e inibição) e fatores diversos (espécie animal, idade, raça e fatores genéticos). As reações de biotransformação são classificadas em dois tipos: reações de oxidação/redução (Fase I) e conjugação/hidrólise (Fase II). Na reação de oxidação/redução ocorre elevações dos níveis de enzimas que facilitam a reação (exemplo, pela via mais comum: o complexo citocromo P450). As reações de conjugação/hidrólise hidrolisam um fármaco ou conjugam-no a uma molécula grande e polar para inativa-lo, aumentando sua solubilidade e excreção.

Essas reações também dependem da ausência ou presença de outros fármacos. Não se pode esquecer dos fatores individuais: etnicidade, polimorfismos genéticos, idade, sexo, ambiente, dieta, interações medicamentosas e doenças (a cirrose e a hepatite, por exemplo, podem comprometer a ação do citocromo P450) (Guengerich, 2003).

Laís de Souza e Silva

Um comentário:

  1. sua publicação me ajudou. tornou as coisas bem mais simples. muito obrigada!

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar! \o/